FLYING UNDER THE RADAR

VOANDO SOB O RADAR

Flying Under the Radar: Biennial of the Arts    Rio de Janeiro x San Francisco

Back to All Events

FUTR OnAir

FUTR OnAir, um conjunto de colaborações artísticas entre pares de artistas brasileiros e norte-americanos, vai estrear com performances simultâneas no Rio de Janeiro e São Francisco, no dia 6 de novembro de 2016. As parcerias artísticas, envolvendo uma variedade de disciplinas, irão interagir em tempo real, através de uma distância de seis mil milhas.

Em cada cidade, haverá apresentações ao vivo e virtuais transmitidos através de dois canais de satélite: enquanto um poeta americano se apresenta em San Francisco, um artista plástico brasileiro será visível em uma tela grande ao lado do poeta. No Rio, o artista plástico brasileiro se apresentará ao vivo, enquanto o poeta aparece em uma tela próxima a ele.

Os artistas serão: Kim Anno, uma cineasta americana, em parceria com Saulo Laudares, cujo trabalho envolve som, luz e a arte de instalação; Tongo Eisen-Martin, um poeta ativista americano, em parceria com Guga Ferraz, escultor e performer; Candice Wicks, uma cantora, compositora, e educadora que vai colaborar com Renato Cruz, coreógrafo e dançarino brasileiro.

O programa, que será apresentado gratuitamente no Rio e em São Francisco, vai durar três horas, e contará com três apresentações colaborativas de trinta a quarenta minutos cada. Para acomodar uma diferença de horário de seis horas, os eventos irão começar em San Francisco ao meio-dia, e no Rio às 18hs. Os artistas de San Francisco vão se apresentar no Little Boxes Theater, um local conhecido por apresentações experimentais em dança. No Rio, o evento acontecerá na cinemateca do Museu de Arte Moderna (MAM-Rio).

O tema do evento é Crise, uma condição que se tornou universal, nas primeiras décadas do século XXI. Tanto no meio-ambiente quanto no clima política e as interações sociais, os problemas se amplificam e se tornam internacionais com uma rapidez nunca visto antes. Ao explorar a resposta dos artistas nas duas maiores democracias do Hemisfério Ocidental, o FUTR OnAir utilizará a experiência de performance para mitigar as barreiras da língua e da tradição.

Como um projeto de voar sob o radar, que se dedica a provocar uma transgressão de fronteiras culturais, FUTR OnAir prevê três importantes objetivos: expor e fraturar o conceito do "outro", o que cria divisões entre as populações; para promover a sinergia artística nas Américas; e para criar interesse público, em uma celebração de diferenças e semelhanças entre os povos dos Estados Unidos e do Brasil.