FLYING UNDER THE RADAR

VOANDO SOB O RADAR

Flying Under the Radar: Biennial of the Arts    Rio de Janeiro x San Francisco

Jean Charnaux : Música

Link: Choro Nervoso

Jean Charnaux começou a tocar violão aos 10 anos de idade. Se interessou pelo chorinho quando ouviu seu primeiro professor de violão, Duda Anisio (Do Centro Musical Antonio Adolfo) tocando. "Aquilo ali entrou na minha alma imediatamente.Ele tocava coisas do Villa-Lobos, Baden Powell, João Pernambuco, Dilermando Reis e chegou a tocar umas coisas do Guinga. Eu quis me envolver naquele universo imediatamente."

Antes do bacharelado (UFRJ, 2011), quando tinha 18 anos, cursou guitarra na Los Angeles Music Academy, por seis meses, onde estudou as matrizes do jazz e um pouco do blues. O jazz lhe deixou fascinado; aprendeu as escalas, a parte teórica, improvisação, etc.

Os violonistas que lhe impressionaram foram: "Justamente minhas matrizes: Guinga, Helio Delmiro e Marcus Tardelli. Os três têm importância no que faço em música e na vida, nas minhas relações, no ambiente em que eu vivo. O aprendizado é eterno. Fora aqueles que já se foram e muito me inspiraram, como Andrés Segóvia e Baden Powell.

Compor é "uma paixão, algo que está sempre me acompanhando. Eu tenho momentos de inspiração mesmo, em que eu consigo criar. Momentos em que estou mais conectado com o que eu estou sentindo e é muito bom porque consigo expressar isso em forma de música. Isso é uma dádiva. A minha inspiração é entrar em contato com as pessoas através da música. A felicidade de exercer meu papel como artista, compartilhando aquilo que sinto, aproxima-me da plenitude pessoal e profissional."